sexta-feira, 29 de agosto de 2008

JOÃO-----ANIMAIS "SELVAGENS" SOLTOS

Povo querido deste blog!

Ainda estou em São José dos Campos. Acontece que por aqui, tem acontecido algumas coisas interessantes, as quais eu pretendo contar. Também quero ver se dá tempo de eu visitar a Nina e poder dar umas bicadinhas naquelas orelhas fofas dela.

Eu assisti em uma calçada de um boteco daqui (claro, estava à procura de algumas migalhinhas de pão no café-da-manhã) essa notícia:


Uma pena que Sampa não comporte animais que já foram tidos como domésticos. Se os donos fossem mais responsáveis e a cidade menos "hostil", poderíamos tirar proveito dessa parceria homem-animal.

Há cidades como Nova Iorque, que tem passeios de charrete ao redor do Central Parque. É um passeio super charmoso e romântico. Mas aqui, como fazer? Os donos de animais como o Juca e a Nina, nem sempre têm responsabilidade com eles, que dirá animais maiores?

Onde pastar, por exemplo? Sim, porque a ração não tira o hábito saudável de pastar, tomando aquele solzinho da manhã ou do fim de tarde.

Temos que rever muitos conceitos ambientais. Um deles é permitir qualidade de vida aos animais, sendo eles grandões ou não.

Arrulhos, povo querido!

2 comentários:

Dalila disse...

ah, eu concordo...
não deixamos espaço para que os animais possam ter seu conforto, uma condição boa de vida...
precisamos rever isso, sem dúvida. Hoje eles vivem através de nós (os nossos animais domésticos) ou para se sacrificar por nós (os animais que servem de alimento, que trabalham para o homem etc.). É uma pena que os humanos pensem que o planeta é só deles, poderíamos aprender muito com nossos amigos...
aprender a sermos mais compreensivos, mais amorosos, mais alegres, mais carinhosos...
tanta coisa...

Nina disse...

Apoiado, Dalila!

BEM VINDOS!!!

Esse blog é um diário de animais e pessoas! Alguns animais falarão do seu dia a dia, outros de experiências boas ou ruins.Ou seja, sinta como os animais vislumbram esse mundo louco e maravilhoso em que vivemos.
Aproveitem, divirtam-se e fiquem à vontade para comentários, sugestões e críticas.

Clique no nosso título e veja a postagem atual!