terça-feira, 26 de fevereiro de 2008

JUCA - O PULO DO GATO - Como anda o mercado?

Boa tarde pessoal!

Estava eu lendo jornal com meu pai quando ele disse algo muito interessante, disse ele:
- Juca, olha só como as coisas são: todos falam que ação é investimento à longo prazo, mas a maioria não respeita essa regra e acaba perdendo dinheiro.

Realmente meu pai tem toda razão, com essa crise que começou no fim do ano passado e foi até o começo de Janeiro, muita gente se desesperou e acabou vendendo tudo à preço de banana.

Mas, perguntará você nesse momento, "a Bolsa ainda não está volátil?".
A resposta é simples, a Bolsa por definição É VOLÁTIL!. As pessoas só conseguem ganhar dinheiro por causa desses altos e baixos. O que importa é a tendência que ela vai seguir a longo prazo... e para saber isso é preciso saber como vai a economia local e a economia no exterior.

Mas você deve estar pensando: "mas a economia mundial está muito instável por causa da crise nos EUA". Sem dúvida está, e esse é o fator mais importante (na minha opinião) que mostra que agora é um bom momento para entrar no mercado.

O raciocínio é simples. O Brasil vive um bom momento econômico (aliás, acabo de ler que mesmo sem a CPMF o Governo conseguiu um novo recorde de arrecadação de impostos), melhorando o cenário exterior, a economia daqui (que já está boa) tende a decolar.
Por causa desse cenário externo ainda é possível achar algumas ações que estão abaixo do preço "justo", sendo uma boa hora para compra.

Vamos imaginar um outro cenário. Vamos imaginar que a crise é no Brasil e que nos EUA está tudo bem. Convenhamos que é muito mais provável que essa crise seja duradoura e tenha mais efeitos adversos (para nós) pelo simples fato da nossa economia ainda não ser totalmente confiável. Nesse caso as ações também estariam em baixa (provavelmente), mas também não teria tanta certeza da recuperação econômica.

No terceiro cenário, a economia brasileira está mal junto com o resto da economia mundial. Nesse caso as ações estarão com certeza com preços muito baixos e seria um ótimo momento para investir. Lembre-se que nesse caso a economia brasileira provavelmente estará ruim por causa da crise mundial (se não for esse o caso, se for um problema independente, entra no segundo caso), quando a crise mundial passa, a brasileira também e as ações sobem rapidamente.

No último caso, tanto o Brasil quanto o resto do mundo está bem, nesses casos é mais difícil achar algum momento bom para comprar ações, às vezes é o momento de observar se os preços não estão muito acima do que seria "justo", porque nesses momentos ocorrem muitas especulações e depois de um momento de alta muito acentuado, com certeza haverá um momento de queda também. Nesse momento o investidor precisa estar atento para sair do mercado, antes que tenha essa queda.

É isso aí pessoal. Independente do que for fazer, não adianta pensar em investimentos para 1 ou 2 meses. Vamos exercitar nossas mentes para investimentos de 1, 2, 10, 20 anos, só assim para realmente ganhar com a Bolsa.

Ronronados a todos!

Um comentário:

Luzinha Franzoi Sebben disse...

ô Juca, fala sério, tu e o teu pai são muito inteligentes, mas vamos combinar que essa coisa de bolsa de valores é muito complexa! abraços prá ti, pro João e prá Nina!

BEM VINDOS!!!

Esse blog é um diário de animais e pessoas! Alguns animais falarão do seu dia a dia, outros de experiências boas ou ruins.Ou seja, sinta como os animais vislumbram esse mundo louco e maravilhoso em que vivemos.
Aproveitem, divirtam-se e fiquem à vontade para comentários, sugestões e críticas.

Clique no nosso título e veja a postagem atual!